domingo, dezembro 30, 2007

Boas Festas pelas ruas de Antas

Para assinalar a quadra natalícia, a ABBVE decidiu desejar as Boas Festas a toda a freguesia.
No passado dia 22 de Dezembro de 2007, um grupo de alunos da Escola de Música e músicos da Banda vestiram a rigor o fato de Pai Natal e levaram os sons, a alegria e o espírito de Natal pelas principais ruas de S. Paio de Antas. Foram distribuídos Postais de Natal e de Boas Festas e para acarinhar ainda mais esta iniciativa, não faltaram as pequenas Mães Natal que distribuiram rebuçados pelos mais pequenos.
No final do dia, levamos as músicas de Natal à vizinha freguesia de Forjães e os votos especiais de Feliz Natal aos idosos do Lar de Santo António.
Para além dos Votos de Boas Festas esta foi uma oportunidade de aproximar, mais uma vez, a música e o trabalho da ABBVE a todas as pessoas.
Agradecemos a todos quantos participaram e colaboraram na realização desta iniciativa.

Boas Festas

segunda-feira, dezembro 24, 2007

Feliz Natal



A ABBVE deseja a todos um Santo e Feliz Natal...

com muita Paz,

Muita saúde e

Muita Alegria.

Para 2008 renovamos estes votos

e o desejo de um Ano com muita Música.

sábado, dezembro 22, 2007

Digressão de Natal


A Orquestra de Sopros da Escola de Música da Nossa Banda vai realizar um pequena "digressão de Natal", com 3 concertos: na Casa da Música de Antas, dia 22 de Dezembro, pelas 21h30; no Salão Paroquial de Esposende, dia 29 de Dezembro, pelas 21h30 e no Salão Paroquial de Vila Chã, dia 30 de Dezembro, pelas 21h30.


Programa

1.Storie di Tutti I Giorni
- Arr. Ron Sebregts


2.Jubilee Overture - André Waingnein


3.Amigos Pra Sempre - Arr: Jardilino


4.Spirit Stallion of the Cimarron - Hans Zimmer


5.Abba Gold - Arr. Ron Sebregts


6.White Christmas - Arr. R. Beck

7.Christmas concerto N. 2 - Arr. Robert Smith

Solistas: Flauta: Susana Rolo, Sax. Alto: Hugo Saleiro,
Trompete: André Azevedo

8.Triologia de Natal - Arr: V. Sequeira

Maestro Valdemar Sequeira

segunda-feira, dezembro 17, 2007

Curso de Aperfeiçoamento pelo Quarteto Vintage

Nos dias 07, 08 e 09 de Dezembro de 2007 realizou-se o Curso de Aperfeiçoamento de Clarinete orientado pelo Quarteto Vintage,o qual é constituído pelos Professores Iva Barbosa, José Eduardo Gomes, João Moreira e Ricardo Alves.
Abrimos as portas da nossa “Casa da Música” a todos quantos viram nesta iniciativa uma oportunidade única de trabalhar e aperfeiçoar aspectos relacionados com a prática do Clarinete, do repertório que a ele se aplica e outros instrumentos como a requinta, o clarinete baixo e o cor de basset.
Há muito que a organização de um curso ou Master Class era idealizado, sobretudo pelo Professor Paulo Botelho, responsável pela Classe de Clarinete da Escola da nossa Banda e defensor de iniciativas deste género e de outras que permitam aos alunos e músicos um maior enriquecimento Musical.
Do empenho absoluto do Professor Paulo Botelho, do apoio incondicional da Direcção da Associação Banda dos Bombeiros Voluntários de Esposende e de uma colaboração extremosa do Quarteto Vintage resultaram 3 dias de trabalho musical, convívio, partilha e dedicação à música.
A vertente pedagógica do trabalho desenvolvido pelo Quarteto Vintage resultou positivamente para o grupo de cerca de 30 jovens músicos, o qual se figurou bastante heterogéneo em termos de formação musical, possibilitando um trabalho diversificado.
É de realçar o trabalho enérgico do Quarteto Vintage, a motivação e o empenho que induziram ao Curso realizado, a par de todo o contributo exímio do Pianista acompanhador, o Professor Cristóvão Luiz.
Integrado por músicos de uma magnífica geração de clarinetistas, o Quarteto Vintage destaca-se pela individualidade de cada Professor que o constitui, com percursos musicais extraordinários, e pelo trabalho conjunto desenvolvido desde 2001. Musicalmente apresenta um repertório bastante alargado, desde a Música Antiga, Barroca, Clássica, Contemporânea e Popular e vários projectos norteados pela meta de “construir e solidificar um caminho de inovação e Originalidade”. O Quarteto Vintage assume que pretende criar uma nova sonoridade, capaz de proporcionar verdadeiros momentos de música e o resultado é bem visível e denota a dedicação e o respeito pela música.
Aliás, a identidade do Quarteto reflecte-se quando afirmam que “tocar juntos é sempre um prazer e estão unidos por uma grande amizade e por um profundo amor pela música”.
E foi um prazer imenso colaborar com o Quarteto Vintage na realização deste Curso de Aperfeiçoamento que ao longo dos três dias possibilitou um trabalho individual possibilitando aos alunos uma abordagem técnica, de repertório e de outros instrumentos da família do clarinete, e um trabalho de grupo com duos, trios e quartetos de orquestra com todos os clarinetes.
Pela casa da música passaram crianças e jovens com formação e habilitações musicais distintas, oriundos de diferentes escolas de música, academias e Conservatórios.
Obtiveram o diploma de Participação no Curso:
Ana Teresa Torre Viana – ABBVE.
Ana Catarina Thomaz Moura Morais – Conservatório de Música do Porto.
Ana Mafalda de Oliveira Gomes – Academia de Música de Espinho.
André Monteiro Barciela – Academia de S. Félix da Marinha.
André Miguel Pereira Vieira – Universidade de Aveiro.
Bruno de Oliveira Borges – Banda Musical de Oliveira, Barcelos.
Carla Maria Lima Afonso – Banda de Música de Belinho e EPMVC.
Catarina João Thomaz M. Rios Oliveira – Conservatório de Música do Porto.
Crismpim Manuel Luz – ABBVE e ESMAE.
Diogo André Arantes Lopes – ABBVE.
Diogo José Rocha Ferreira – Conservatório de Música do Porto/Banda de Melres.
Irene de Jesus Pereira V. Silva – ABBVE.
Joana da Rocha Vieira – ABBVE.
José Manuel Ribeiro Capitão – ABBVE.
Júlio César Baptista Miranda – EPMVC.
Marcelo Filipe Barbosa Carvalho – Conservatório de Música do Porto/Banda de Melres.
Marco Fernando Soares da Rocha e Sousa - Conservatório de Música do Porto/Banda de Melres.
Maria Inês Arantes Lopes – ABBVE.
Marília Martins Laranjeira – ABBVE.
Mário Jorge Araújo Apolinário – EPMVC.
Marta Torre Viana – ABBVE.
Paula Cristina Ferreira Miranda – ABBVE/EPMVC.
Paulo Botelho – ABBVE.
Paulo Jorge Araújo Rodrigues – EPMVC.
Patrícia Oliveira Fernandes – ABBVE.
Pedro Miguel Mota dos Santos - Conservatório de Música do Porto/Banda de Melres.
Pedro Miguel Soares Silva – Academia de Música de Espinho.
Pedro Monteiro Walgode – Academia de Música de Espinho.
Rafaela Torre e Sá – ABBVE.
Tiago Alberto Dias Pereira (Luthier).
No dia 09 de Dezembro, e para encerramento do curso realizou-se uma audição aberta ao público em geral, cujo programa incluiu uma introdução pelo Quarteto Vintage, a audição dos participantes e a apresentação do Ensemble de Clarinetes no Final.
Fica o nosso agradecimento a todos os participantes, na expectativa de que a organização do curso tenha superado todos os níveis desejáveis. De realçar, os diversos apoios, sem os quais seria muito mais difícil concretizar a realização desta iniciativa: Inatel, Peugeot – Cardan, Amadeus – Instrumentos Musicais, Trítono, Lda. – Venda e reparação de instrumentos musicais, Câmara Municipal de Esposende, Confecções Damasceno, Casa Lindinho.


Para a posteridade fica o registo fotográfico e os bons momentos serão sempre Ad Eternum.

Curso de Aperfeiçoamento Quarteto Vintage

sábado, novembro 24, 2007

Concerto Didático



Música para Pequenos e Gráudos


A Orquestra da Escola de Música da Nossa Banda vai realizar um concerto na próxima sexta-feira, dia 30 de Novembro de 2007, na Escola EBI de Forjães, pelas 21h30.
Este concerto terá uma vertente pedagógica, uma vez que se pretende que as crianças e o público presente conheçam um pouco cada instrumento musical existente na orquestra e algumas das suas características musicais.
O convite para a realização desta iniciativa surgiu da Professora Augusta, responsável pela Biblioteca da Escola, no seguimento de um projecto realizado pelas crianças de "construção de instrumentos musicais" com material reciclado. Este trabalho teve o envolvimento dos pais e para ser feita a apresentação do resultado final surgiu o convite para a participação da Orquestra.
Para uma participação mais activa das crianças nesta iniciativa será apresentado o DORÉMIX.

domingo, novembro 11, 2007

Curso de Aperfeiçoamento pelo Quarteto Vintage



Nos próximos dias 7, 8 e 9 de Dezembro realizar-se-á na Casa da Música de Antas, um Curso de Aperfeiçoamento pelo Quarteto Vintage. Este curso destina-se a alunos provenientes de todas as Escolas Superiores de Música, Escolas Profissionais, Academias, Conservatórios e Bandas de Música. Um dos objectivos é proporcionar aos participantes a oportunidade de aperfeiçoar aspectos relacionados com a prática do
instrumento e do repertório que a ele se aplica.
Os participantes terão também oportunidade de abordar outros instrumentos da família do clarinete, tais como a requinta, o cor de basset e o clarinete baixo.
Todos os participantes terão oportunidade de se apresentarem publicamente na audição final.

PROGRAMA:
7 DE DEZEMBRO (6ª FEIRA) - 14H00/19H00-20H30/23H00
8 DE DEZEMBRO (SÁBADO) - 10H00/13H00-15H00/19H00
9 DE DEZEMBRO (DOMINGO) - 10H00/13H00-15H00/19H00
(HORÁRIOS SUJEITOS A ALTERAÇÃO)

VALOR DA INSCRIÇÃO:
PARTICIPANTES ACTIVOS: 75€
PARTICIPANTES OUVINTES: 50€
DESPESAS DE ALOJAMENTO E ALIMENTAÇÃO: + 35€

QUARTETO VINTAGE
O Quarteto Vintage, composto por Iva Barbosa, João Moreira, José Eduardo Gomes e Ricardo Alves, integra alguns dos mais representativos músicos de uma magnífica geração de clarinetistas portugueses. Os seus elementos possuem uma sólida carreira profissional e foram premiados em numerosos concursos em Portugal, Espanha, República Checa, Alemanha, Roménia,EUA e Japão.
Formado em 2001, no âmbito da disciplina de Música de Câmara, na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto, o seu repertório é bastante alargado, e vai desde a Música Antiga, passando pela Música Barroca,Clássica, até à Música Contemporânea e Popular.
Explorando sempre as várias possibilidades idiomáticas do instrumento, o Quarteto Vintage utiliza os vários tipos de clarinete, como a requinta, o cor de basset, o clarinete alto e o clarinete baixo.
Com inúmeros concertos realizados, destacamse as participações nas "Noites de Massarelos",no "Festival Internacional de Música para Jovensde Gaia", no "Festival Foz do Cávado"(Esposende), no "Festival do Palácio da Bolsa",no Programa de Concertos com transmissão directa para a Antena 2 da RDP, e no Congresso da Associação Internacional do Clarinete – ClarinetFest 2005 em Tama-Tóquio, e no ClarinetFest 2007 em Vancouver.
Acima de tudo, o Quarteto Vintage pretende criar uma nova sonoridade, capaz de proporcionar verdadeiros momentos de música.

Iva Barbosa

- Estudou com Adam Wierzba no Conservatório de Música do Porto e com António Saiote na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto.
- Detentora de diversos prémios e distinções em Portugal, República Checa, Espanha e Estados Unidos da América.
- Foi solista com a Orquestra Nacional do Porto, com a Orquestra Académica do Porto, com a Orquestra Gulbenkian, e com a Orquestra da Escola Profissional de Música de Viana do Castelo.
- Lecciona no Conservatório de Música do Porto, no Instituto Piaget de Mirandela e é assistente do Professor António Saiote na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto.

João Moreira
- Estudou com Alberto Vieira na Academia de Música de Lousada, com Luís de Carvalho na Escola Profissional de Música de Espinho e com António Saiote e Nuno Pinto na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto.
- Premiado em Concursos em Portugal e no Japão.
- Foi solista com a Orquestra Sinfónica da Póvoa do Varzim e com a Orquestra de Jovens de Sta Maria da Feira.
- Lecciona na Academia de Música de Perosinho, no Conservatório de Música da JOBRA e na Escola de Música da ARMAB.

José Eduardo Gomes
-Estudou com Francisco Ribeiro na Escola Profissional de Música do Vale do Ave e com António Saiote na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto.
- Premiado em Concursos em Portugal, Espanha e Japão.
- Foi solista com a Orquestra da Escola Profissional de Música do Vale do Ave.
- Actualmente frequenta o curso de Direcção de Orquestra da Haute Ecole de Musique do Conservatório de Música de Genebra, sob a orientação de Laurent Gay.

Ricardo Alves
- Estudou com Adam Wierzba no Conservatório de Música do Porto, com António Saiote na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Porto e com Alan Damiens na Universidade de Aveiro.
- Detentor de diversos prémios em Portugal, Espanha, Roménia e Estados Unidos da América.
- Foi solista com a Orquestra do Conservatório de Música do Porto, a Orquestra da escola Profissional de Música de Viana do Castelo e com a Orquestra Clássica de Coimbra.
-Lecciona na Escola Profissional de Música de Viana do Castelo.


No interesse comum em explorar novos timbres, nasceu a parceria com o pianista Cristóvão Luiz:
- Realizou os seus estudos musicais na Fundação Musical dos Amigos das Crianças em Violino com Klàra Érdei.
- Como violinista, realizou numerosos concertos com a Orquestra de Cordas da FMAC por todo o país.
- Iniciou o estudo do Piano com António Ferreira, tendo em 1996 obtido o 1º Prémio ex-aequo do III Concurso de Piano Florinda Santos em S. João da Madeira.
- Em 1999, ingressou na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo na classe de Piano de Sofia Lourenço.
- No âmbito do Programa-Erasmus, estudou com Markus Groh na Hochschule für Musik und Theater – Hannover (Alemanha).
- Foi Pianista-Correpetidor (2000-03) e Maestro-Titular (2003-04) do Côro do Círculo Portuense de Ópera.
- Acompanhou aulas de ballet-clássico na Escola Pirmin Treku – Porto (Junho-Julho 2002).
- Obteve em Julho de 2005 o Prémio Helena Sá e Costa, interpretando o Concerto nº 1 para Piano e Orquestra de P. I. Tchaikovsky com a Orquestra Sinfónica da ESMAE.
- Acompanha diversas classes na ESMAE desde 2003, tendo tido oportunidade de trabalhar com os Professores Florian Pertzborn (Contrabaixo), Rui Taveira (Canto), Hughes Kesteman (Fagote), Radu Ungureanu (Violino) e José de Oliveira Lopes (Canto).
- Exerce actividade docente na Academia de Música Costa Cabral (Porto) desde 2003, e é Professor-Acompanhador no Conservatório de Música do Porto desde 2005.

terça-feira, novembro 06, 2007

PARABÉNS ANA MARIA!!!

PARABÉNS ANA!!!!!


No dia em que a "menina dos caracóis" festeja o seu aniversário deixo aqui um pequeno remix de fotos, em jeito de presente deste Blog para ti, porque tenho a certeza que agora visitas muitas mais vezes este espaço.
Pois é, o Continente ficou mais pobre e os Açores ganharam em beleza, simpatia e bom coração. Aliás, desde que habitas esse mundo insular não percebo porque é que as Ilhas apenas obtiveram o 2º lugar no ranking da National Geographic Traveler. :)
Be...brincadeiras à parte o que importa é que nos Açores ou na China, tenhas um cantinho para trabalhar e poderes exercer a profissão que escolheste.
E os Açores são de uma beleza incrível e de uma simplicidade tremenda que combinam contigo.
Mas já sabes que S. Paio de Antas é que é bonito e daqui ninguém nos tira. Não temos a Lagoa das Sete Cidades, mas temos o Minante e a Poça da Portela...não temos o Pico, mas temos a Cividade e a Srª da Guia...não temos o Vulcão dos Capelinhos, mas temos rochas firmes e nunca se sabe quando rebenta um vulcão.Não temos os golfinhos, mas baleias existem as suficientes e cachalotes também. :)
Há mil e um motivos e mais algum para fazermos ou não comparações, mas o mais importante é que deles todos o que sobressai é a distância...que dá milhas de saudade!!
Muitos Parabéns Riquinha!!!

segunda-feira, novembro 05, 2007

Magusto - dia 10 de Novembro


Em tempo de castanhas e de (bom) vinho, o I Magusto da Banda é já no próximo sábado, dia 10 de Novembro junto à Casa da Música de Antas, durante a tarde. Não há hora definida porque são todos bem vindos bem cedo para lanhar as castanhas e fazer as brasas e trazer o vinho.

domingo, novembro 04, 2007

Bravo....Crispim!!!!



Há notícias que pela sua importância e pessoas que envolvem deveriam ser colocadas mais cedo neste espaço.
E há noticias que depois de sabermos o feedback do evento torna-se ainda mais imperativo divulgar o sucedido, ou escrever em jeito de um aplauso e de um "bravo final".
A convite da Banda Sinfónica Portuguesa e numa parceria com a Banda Militar do Porto, o Maestro Jan Cober esteve em Portugal para orientar um curso de direcção. No seguimento do programa definido, teve lugar ontem, dia 04 de Novembro, pelas 12ho0, na Casa da Música, um concerto pela Banda Sinfónica e sob a direcção do referido maestro.
Este é um dos tipos de iniciativas enriquecedoras e que adicionam um nível cultural e musical importante a todas as outras que se promovem.
Até aqui tudo bem, não estivesse nesse concerto o nosso primeiro clarinetista Crispim, mas conhecido entre nós por Pim. E esteve muito bem, segundo a crítica, no papel de concertino e clarinetista solista.
É bom saber que existe trabalho com qualidade e empenho no interior da nossa Banda e é sempre com orgulho que vemos os nossos colegas irem mais além naquilo que realmente gostam de fazer: música!
Parabéns Pim!!!

domingo, outubro 21, 2007

27 Outubro de 2007

No próximo sábado, dia 27 de Outubro de 2007 será a apresentação do tão esperado DVD do Concerto Coral Sinfónico, realizado no dia 21/07/2007. A ocasião é oportuna, uma vez que coincide com o convívio anual da Banda, por isso é de não perder o seguinte programa:

16h00 - Apresentação do DVD na Casa da Música de Antas.

19h00 - Missa Solene com a participação da Banda de Música, em memória do Maestro Laranjeira, músicos e dirigentes já falecidos.

20h00 - Jantar Convívio no Restaurante Reguenga (quem estiver interessado ainda poderá fazer a sua reserva até à próxima 3ª feira, dia 23/10).

segunda-feira, outubro 15, 2007

Recorte de Jornal

in pag. 8 do Aurora do Lima de 19 de Setembro de 2007


"VAMOS RECORDAR ...
Porque recordar o passado, viver o presente e pensar o futuro é algo que nos anima a prosseguir o caminho traçado pelo nosso destino, evocando aqueles que nos precederam com o seu glorioso passado e os seus nobres e elevados pergaminhos, deixando-nos como herança a sua cultura. Porque existe alguma diferença nos dias de hoje entre o passado e o presente, é motivo que nos preocupa e pode, de certa forma, responsabilizar-nos por estes factos. Cabe, pois, a cada um de nós, a sua divulgação, certos de que estamos a contribuir para o engrandecimento do nosso património cultural. Como expressão relevante da nossa cultura e religiosidade, sobressaem as festividades em honra de Santa Ana, que habitualmente decorrem no primeiro fim-de¬-semana de Agosto, nesta Freguesia. Assim, ano após ano, com maior ou menor brilho, conforme os seus variadíssimos programas, esta comunidade laboriosa de S. Romão do Neiva leva a efeito as suas festas anuais, cumprindo uma tradição secular e imitando os seus antepassados.
Do seu variado programa de 2007, destacamos um número que podemos considerá-lo inédito e que teve lugar no Sábado, dia 4 de Agosto, após a concentração dos andores floridos, confeccionados com flores naturais pelos diversos lugares da Freguesia. Este facto teve a sua relevância quando, à chegada dos andores, pelas 18h30, em frente ao Centro Social e Paroquial, foi cantado pelo Grupo Coral Sinfónico de S. Romão do Neiva, acompanhado pela Banda dos Bombeiros Voluntários de Esposende-Antas, pela primeira vez na história desta comunidade, o hino da nossa Freguesia. -
Antecedendo a actuação e execução desta bela melodia, e por se tratar de um facto inédito, foi proferida, pelo Sr. José Alberto Pereira de Sousa, uma nota explicativa a todos os presentes, dando conhecimento da sua origem e o caminho percorrido até à sua concretização. Esta melodia do hino de S. Romão do Neiva estava em risco de se perder no tempo, restava apenas na memória de alguns residentes, pois outrora havia sido cantada pelas gentes humildes desta Freguesia em dias festivos ou nos campos, no amanho da terra, nas sachadas do milho, nas ceifas do trigo e centeio e até nas desfolhadas.
Foram autores desta bela melodia há cerca de seis décadas, o grande poeta da casa de Belinho-Antas, António Correia de Oliveira, que a escreveu, e a música foi da autoria do Pe. Benjamim Salgado, então pároco de S. Paio de Antas, que paroquiou esta freguesia entre 1949 e 1956. Nessa altura, o Pe. Benjamim Salgado foi transferido para a freguesia de Requião, no con¬celho de V. N. de Famalicão, deixando mais tarde esta paróquia. Daí se recolheu para Joane, do mesmo concelho, sua terra natal, onde veio a falecer a 28 de Janeiro de 1978. Como músico, deixou uma obra inesquecível e as suas composições são cantadas ainda hoje por todo o País. Como pregador, subiu aos púlpitos mais famosos e participou nas solenidades mais importantes do seu tempo.
A inexistência da partitura desta obra musicat, levou a que o colaborador deste jornal na Freguesia de S. Romão do Neiva encetasse a pesquisa da referida partitura, passando por S. Paio de Antas, Requião e Joane. Não obstante o trabalho desenvolvido, não foi possível a recolha da partitura.
Dado estes factos acrescidos da dificuldade em conseguir a partitura, foi solicitado pela mesma pessoa uma nova partitura, ao conceituado maestro e compositor Sr. Valdemar do Nascimento Sequeira, da Banda dos Bombeiros Voluntários de Esposende-Antas, a elaboração da mesma e a orquestração do hino da Freguesia. Muito gentil acedeu ao pedido e graciosamente elaborou a nova partitura. Depois de alguns ensaios em conjunto, Banda e Grupo Coral Sinfónico local, eis que é executado, com grande pompa, o hino de S. Romão do Neiva perante algumas centenas de pessoas da Freguesia e fora dela, as quais, no final da actuação, aplaudiram entusiasticamente.
Finalmente, resta-nos enaltecer a qualidade da orquestração, elaborada pelo prestigiado maestro e compositor, e agradecer o seu excelente trabalho, bem como a todos os elementos da Banda dos Bombeiros Voluntários de Espsoende-Antas, não esquecendo o Grupo Coral Sinfónico local e o seu regente, Sr. Cândido Oliveira, pela disponibilidade demonstrada, sem os quais não teria sido possível a audição, em público, do referido e belo hino. Um grande bem haja!"

quarta-feira, outubro 10, 2007

Desvaneios noturnos.(A Razão e a Capacidade)

É, eu nunca percebi aquela coisa de as pessoas dizerem: «Ele perdeu a razão, pela maneira como falou, perdeu a razão.»(como?)
Mas como é que é isto?Então a razão é uma coisa que se perde?(como a virgindade) È uma questão de forma? Se se falar duma maneira tem-se razão, se se falar doutra maneira, já se perde a razão? (Aí não, Aí não...)
E quem é que determina a maneira correcta de se ter razão?
E também se ouve dizer não era o momento oportuno,não era hora para isso.
Então quando é? Aonde é? e como è?
Eu nunca percebi isto.
O nível que temos é nos dado por quem? Quem teve que se esmerar,trabalhar,sofrer, perder...,contentar,aceitar,resignar,lutar,sacrificar todos outros bons momentos que poderiam ter sido se não estivesse neste ou naquele grupo de trabalho. Trabálhamos muito pouco pelo que temos.
É por isso que para a maioria ,uma pessoa que aponta coisas que estão mal,ou tem mal feitio ou está à procura de chatice ou não sabe o que diz.
Deixem-se de coisas; Hà que lutar pelo que gostamos e suarmos pelo que desejamos sem resentimentos. A capacidade de esquecer é fascinante e isto não tem a ver com o espírito português saudista, esquecer as coisas más para lembrar as boas, não é que depois se lembrem que se fez algo de errado.
Há capacidade de ouvir também é boa, mas há cada vez menos gente a dizer coisas interessantes.Há gente que se se ouvisse talvez não dissesse as coisas que ouvimos (como eu hoje).
Há capacidade de não ouvir; AH!...AH? O quê? Pois a capacidade de não ouvir também é útil. As chatices que não se têm, as discussões que se evitam? Não. Não eu não ouvi...(A bom alors!!!)
Se queremos sobreviver no presente, na ideologia de viver em plenitude no futuro a quantidade de coisas que nós devemos e temos que melhorar, apreender e compreender.(A esquecer...).
Ninguém me ouve, nem eu..;Eu é que gosto de falar (escrever) e tenho que cometer erros para chegar a conclusão que estava errado, é a pura verdade; mas mesmo assim não será experiença suficiente, para cair nos mesmos erros como todos nós???
A vida é assim mesmo,façamos o que melhor sabemos fazer para poder contribuir para um melhoramento da nossa inter-vida.Pois co-agimos com ela, por e atravez dela.

O Man.(Fumei casca de banana seca)

segunda-feira, outubro 08, 2007

Escola de Música ABBVE - Arranque oficial do ano lectivo 2007/08



No passado sábado, dia 06 de Outubro de 2007, teve início a apresentação geral do novo ano lectivo da Escola de Música da Nossa Banda.
Alunos, pais, professores e directores estiveram presentes e foram comunicados os princípios gerais de funcionamento, os horários, foi feito o acolhimento aos novos alunos e apresentados os objectivos para o novo ano lectivo.
Todos os anos acrescem aos alunos já existentes na escola, novos alunos para iniciarem o seu percurso musical na escola nas diversas valências (iniciação musical, formação musical, instrumento, classe de orquestra).
E para eles voltamos a nossa atenção porque os queremos receber bem e queremos que sintam que na escola podem dar o primeiro passo na cultura musical, mas ao mesmo tempo um grande passo, visto que o modelo de funcionamento, ensino e formação da nossa Escola tem dado provas de bons resultados.
Muitos trazem o objectivo bem marcado de ingressar na Banda, como é o caso da Andreia Matos, de 10 anos, natural de Forjães. Veio para a Escola de Música da ABBVE porque gosta de música, e já conhecia alguns elementos da Banda e gostava de os ver tocar. Ao perguntar-lhe que instrumento gostaria de tocar foi com um enorme sorriso que respondeu Flauta e vê-se que o mesmo gosto é partilhado pela irmã, a Maria João Matos, de 8 anos. A Maria João ainda não sabe se vai ser difícil isto de aprender música, mas vontade não lhe falta e o apoio da mãe, Ilda Matos que esteve presente na apresentação.
Quase na fila da frente da Casa da Música aguardavam a Adriana Merrelho, 10 anos, natural de Belinho e a Márcia Cunha, 10 anos, de Antas. Ainda não tinham a inscrição feita, e foi com alguma timidez que se apresentaram como novas alunas da Escola, mas em conversa, a vontade expressa de aprender música é mais que muita.
A Adriana Merrelho falou-nos com muito à vontade da sua breve mas já vincada experiência musical. Referiu que gosta de tocar música e que a irmã (Raquel e violoncelista da Nossa Banda) a ensina e que até já toca no piano/orgão. Foi com entusiasmo que nos falou do concerto de Natal para a família no qual tocou e fez dueto com a irmã. Mas argumentou que precisa de aprender a ler as notas porque por enquanto decora as posições das notas, no orgão.
A Ana Catarina Sá, de 11 anos e natural de S. Paio de Antas, integra também o grupo dos novos alunos. Enquanto foi conhecer a sua sala de aula, a mãe, Rosa Maria Sá falou-nos que a Catarina já pretendia iniciar os estudos musicais na escola, no ano passado, no entanto esperaram mais um ano e agora visto que a Catarina adora música e tinha mesmo vontade de ingressar na escola, consideraram o momento oportuno.
Em conversa com a D. Laurinda Senra, de Esposende, e mãe da Maria João Senra Viana, de 9 anos, registamos alguns comentários desta mãe de uma das alunas do 2ª ano de iniciação. Referiu que a Maria João tomou a iniciativa de vir para a escola porque conhecia a mesma e a Banda através dos primos (Hugo, Daniela...). Para além disso, está no 2ºano, gostou bastante da escola no 1º ano, aliás, adora a escola de música e o objectivo é entrar na Banda e talvez tocar Flauta.
Questionada sobre alguns pontos a destacar acerca do funcionamento da Escola de Música, não evidenciou nenhum e mostrou-se satisfeita com o funcionamento actual.
Uma vez que o papel dos pais é fundamental no acompanhamento da aprendizagem e progressão dos filhos, e questionada sobre esse ponto referiu que o pai é quem mais acompanha a aprendizagem da Maria João.
Resta-nos apostar fortemente, motivar e incentivar estas crianças e jovens que decidem integrar a Escola de Música da Banda.

Relativamente ao Horário de Formação Musical e Música de Câmara do ano lectivo 2007/2008 é o seguinte:

INICIAÇÃO MUSICAL


1º Ano de Iniciação Musical: 11h10 - 12h00.
2º Ano de Iniciação Musical: 09h00 - 0950.

FORMAÇÃO MUSICAL

3º Ano de Formação Musical: 09h00 - 09h50.
1º e 4º Ano de Formação Musical: 10h00 - 10h50.
2º e 5º Ano de Formação Musical: 12h00 - 12h50.

MÚSICA DE CÂMARA:11h10 - 12h00.

ORQUESTRA DE SOPROS: 14h30 - 16h00.

Quanto ao elenco de professores, do mesmo constam:

Prof. de Formação Musical e Director Pedagógico - Valdemar Sequeira
Prof. de Iniciação Musical - Sara Costa
Prof. de Clarinete - Paulo Botelho
Prof. de Flauta - Marco Pereira
Prof. de Saxofone - Filipe Fonseca
Prof. de Trompete - Manuel Brandão
Prof. de Trompa - Henrique Torres
Prof. de Trombone - José Maciel
Prof. de Percussão - Luís Torres


Existe ainda um horário de atendimento para encarregados de educação, das 11h10 - 12h00, no qual o Director Pedagógico ou algum dos responsáveis internos (Hugo Saleiro e Irene)estarão disponíveis para eventuais esclarecimentos.

Quanto à proprina mensal a mesma é de 20euros e paga no 1º sábado de cada mês.

E ficam aqui as linhas gerais de mais um ano de ensino musical na Escola desta associação, o qual esperemos que seja proveitoso para todos e exceda as expectativas pessoais e musicais.

quinta-feira, outubro 04, 2007

Workshop Musicoterapia

Aproveito para divulgar uma iniciativa bem interessante...quem tiver oportunidade de participar num Workshop do género é uma experiência muito enriquecedora!



"O Espaço T - Associação para o Apoio à Integração Social e Comunitária, Instituição Particular de Solidariedade Social com fins de saúde, vem por este meio proceder à divulgação do nosso Workshop de Musicoterapia.
O Espaço T enquanto entidade formadora, é acreditado pelo IQF desde 2000, promovendo acções de formação certificadas e acreditadas por diversas agências governamentais tais como o IEFP – Instituto de Emprego e Formação Profissional e a ANQ – Agência Nacional para a Qualificação (ex ANEFA e DGFV).
Todos os formandos recebem certificado de frequência."



Workshop de Sensibilização à Musicoterapia

Dias 27 de Outubro e 3 de Novembro, das 10:00 às 13:00 e das 14:30 às 17:30

Introdução e Objectivos

Este workshop tem como objectivo dar a conhecer a musicoterapia e suas aplicações terapêuticas. Proporcionar uma “viagem” ao universo musical de cada um (e do grupo) e descobrir a sua influência na comunicação interpessoal, expressão, imaginário e criatividade. Na tomada de consciência e desenvolvimento da identidade sonora e musical própria e do outro desenvolver e/ou potenciar as competências pessoais.


Itens gerais do conteúdo programático
Musicoterapia: Definição
Princípios Gerais da Musicoterapia.
A Musicoterapia em Portugal.
Áreas de Intervenção Clínica.
O papel do Musicoterapeuta
A música e os seus efeitos terapêuticos.
A Identidade Sonoro-Musical.
Os Métodos Receptivos, Activos e Integrativos em Musicoterapia: Objectivos e Técnicas


Formadora (nota biográfica)

Márcia Teles de Vasconcelos. É licenciada em Psicopedagogia Curativa pela Universidade Moderna e tem um Master em Musicoterapia pela Universidade Lusíada de Lisboa. É membro da direcção da Associação Portuguesa de Musicoterapia e Coordenadora do Espaço Entrelaços. Formadora de Musicoterapia no Espaço T desde 2006.


Duração total do workshop
12 horas

Preço do workshop
80€ (desconto de 10% na inscrição de duas ou mais pessoas)


--------------------------------------------------------------------------------
Contactos:
Espaço T – Associação para o Apoio à Integração Social e Comunitária
Departamento Lúdico-Terapêutico
A/C Nuno Ferreira
Rua do Sol, 14, 2º
4000-527 Porto
Tel: (+351)223403712 Fax: (+351)223403713
E-Mail: dlt@espacot.pt
URL: www.espacot.pt

Escola de Música - Ano Escolar 2007/2008

Para todos os interessados, a Escola de Música da Nossa Banda recomeça os trabalhos, já no próximo sábado, dia 07 de Outubro de 2007, pelas 09h00 na Casa de Música de Antas.
Será feita a apesentação geral do funcionamento da mesma, dos professores, a integração dos antigos e novos alunos, a presentação dos novos desafios e dos objectivos para o novo ano.
Esperemos em breve deixar aqui mais novidades.

segunda-feira, outubro 01, 2007

A não perder...

Dois eventos a não perder:

1.Sábado, Dia 6 de Outubro 2007 - 21h30




Concerto pela Big Band La Vida Loca na SIRD em Darque, Viana do Castelo...mais um concerto "loco"!


2. Domingo, Dia 7 de Outubro 2007 - Entre as 12h00 e as 14h00

Sintonize a Rádio Onda Viva em 96.1 FM e oiça o destaque relativo à Nossa Banda de Antas, no programa "A nossa terra", uma iniciativa que coloca os concelhos de Esposende e da Póvoa de Varzim em antena na voz das suas gentes e instituições.
Na emissão poderemos ouvir alguns elementos da nossa Banda à conversa sobre aquilo que mais gostamos: a Banda da nossa Terra!
Sintonizem!!!

domingo, setembro 30, 2007

1 de Outubro - Dia Mundial da Música


E porque amanhã é Dia Mundial da Música,deixo um pequeno "pensamento" encontrado algures na internet.
Mesmo que não houvesse um dia assinalado para celebrar a música, a música é universal, é global e vive-se diariamente.


"Porque a Música penetra mais fundo na alma humana." PLATÃO

2 Milhões de história humana desenvolveram olhos com pálpebras, mas ouvidos sempre abertos. É o primeiro dos sentidos que desenvolvemos, pois ao 3.º mês de concepção já o bebé tem o seu aparelho auditivo acabado. É pelos ouvidos que tomamos o primeiro contacto com o mundo exterior, e é pelos ouvidos que se conhecem pai e mãe com as vozes que inundam o caldo do ventre materno. A poesia dos sons embala-nos desde o berço, amniótico ou de palhinha, seja por caixas de música electrónicas, ou pela voz emocionada de mães e avós.

Não importa procurar definir o que é, porque para cada um de nós a Música é sempre alguma coisa. Diferente dum esquimó para um filarmónico português, é certo, mas permitindo a comunicação entre cristão e muçulmanos, africanos e americanos, profissionais e amadores, crianças e avós. Mesmo em povos para os quais não existe a palavra Música, e são muitos, tal é o lugar indissociável que tem nas funções que lhes dão o nome, estrutura muitos dos rituais comunitários e atravessa todo o sistema educativo. Porquê educar pela e com a Música? Platão, muito antes de qualquer técnica de marketing ou investigação musicoterapeutica, responde de forma simples: Porque a Música penetra mais fundo na alma humana.

Porque muito antes de os homens organizarem os sons, os sons organizaram os homens.

Hoje, não deixe de ouvir um tema musical que lhe seja particularmente querido. Mas não o faça colocando o CD e lendo o jornal ou fazendo o jantar. Sente-se só para ouvir. E se tiver coragem, o melhor mesmo é cantar uma canção. Para si ou para quem lhe estiver mais próximo.

sábado, setembro 29, 2007

PiC NiC 2007

Já vamos no 2ºano consecutivo de Pic Nic de final de época e que bem que sabe disfrutar de um dia assim!
O local escolhido foi, novamente, Ponte da Barca pois reúne boas condições para um dia de convívio à sombra, com o rio e o espaço verde em volta.
Embora nem toda a gente estivesse presente, dos mais velhos aos mais novos boa parte da Nossa Banda fez-se representar para a febrada, os jogos de futebol, as cartadas, as cusquices, os passeios de gaivota e os mergulhos no rio.
Era bom que todos tivessem disponibilidade para partilharmos este dia, mas é quase sempre impossível conciliar toda as preferências de datas.
De qualquer modo, esta iniciativa deveria manter-se, ou quem sabe, num futuro a Banda ir fazer um passeio, ou passar um fim de semana em excursão. Os momentos de convívio mais descontraídos e sem termos as responsabilidades musicais próprias das festas e serviços são muito importantes e devem ser mais cultivados no interior da nossa Banda.
Deste ano tenho a destacar o jogo de futebol muito disputado (alguns andaram lesionados a semana toda), os passeios de gaivota no rio, as sobremesas deliciosas que apareceram, a surpresa à aniversariante Paulinha, os discursos, o vinho "Alhandra" e mais e muito mais.
Ficam algumas fotos...

Pic Nic 2007

quinta-feira, setembro 27, 2007

Monte Córdova - The End

A terminar o calendário de 2007, e depois de vestirmos a farda 30 vezes, a época chegou ao fim com a festa em Monte Córdova, no dia 09 de Setembro. O concerto foi dividido com a Banda de Fermentelos e o saudosismo já se instalava no final.
Chegada a altura do balanço final, este é definitivamente positivo, embora hajam sempre muitos e muitos aspectos a melhor.
E podem vir as assembleias gerais, direcções renovadas, ideias novas, projectos diferentes que os aspectos menos positivos serão sempre destacados e, ainda bem que assim é, porque signifam oportunidades de melhoria, de crescimento e desenvolvimento.
Por esta época, por todos os momentos musicais, de companheirismo, de amizade, de convívio um agradecimento a todos.
À Direcção...
Ao Maestro...
A todos os músicos...
A todos os amigos da Banda...

Monte Córdova

quarta-feira, setembro 26, 2007

E quase em final de época...C(h)afé

E já quase a terminar a época 2007, foram as festas de Nossa Senhora do Alívio, em Chafé, Viana do Castelo...
A assembleia geral do dia anterior é que não foi propriamente um alívio, mas tirando isso, o serviço correu bem e voltamos a tocar com a Banda de Rio Mau.
Durante a tarde, o concerto foi mais curto, uma vez que as Bandas participaram no cortejo alegórico o qual caracteriza um pouco a história, os usos e costumes daquela terra (e houve direito a comes e bebes e tudo!). Para além disso, os grupos de Zés P'reiras, os Ranchos Folclóricos e o desfile de mordomas são característicos desta festa, bem ao jeito do Minho e das Festas Minhotas.
Pela noite já foi possivel aos presentes ouvirem um pouco mais do reportório das duas bandas.
Ficam algumas fotos...

Festa de Chafé

segunda-feira, setembro 24, 2007

Festas da Nossa Terra

Chegado o momento de publicar as fotos da Festa de Santa Tecla, que decorreu no 1º fim de semana de Setembro, não podia deixar de fazer alguns apontamentos sobre as Festas da Nossa terra. E isto partiu de uma sugestão de um conterrânea nossa, que referiu e, muito bem, o facto de não termos postado nada acerca da Festa da Senhora das Vitórias.
O importante é que, tanto a festa da Senhora das Vitórias como a de Santa Tecla, são ambas importantes para a nossa identidade em termos de tradições, usos, costumes e devoção aos nossos santos.
As festas e romarias caracterizam-nos culturalmente e socialmente. E depois, de certeza que muitas vezes nos interrogamos do porquê de realizarmos tais ritos ou cumprirmos com tais costumes, religiosos ou de carácter mais cultural. É certo que a tendência é para cada vez mais se abandonar a organização de tais festas, e muitas vezes esta vontade parte de pessoas que deveriam ter um papel mais activo na dinamização e continuidade de tais costumes. É certo que tais eventos implicam custos, mas noutros tempos e em situações bem mais críticas economicamente as festas realizavam-se.
De alguma leitura de textos da nossa terra, destaco o seguinte retirado de Neiva, A.T.(1999). S.Paio de Antas sua história sua gente. Esposende. e Couto, E.M. (2002). A nossa Terra e suas devoções. Perspectiva Histórica e Pastoral.Paróquia de S. Paio de Antas.

"Quanto à festa de Santa Tecla sabemos que já se fazia bastante antes de 1780, no primeiro domingo de Agosto (...). Sabemos que durante muitos anos, a festa tournou-se característica pelos conhecidos Bailes de Santa Tecla. Estes tinham como introdução certas danças, como a dança dos lenços, a dança das varas e a dança das fitas. Seguindo-se à introdução, tinha lugar o julgamento pelo juiz, com a moça, o moço, a velha, o palhaço e outras tantas personagens da gíria popular. Em 1922, os Bailes de Santa Tecla foram abrilhantar a festa da Senhora das Vitórias."Para além destas histórias conta-se o porquê do fogo de artifício no rio ser tão característico. Ao que parece surgiu de uma espécie de imitação da Serenata realizada nas Festas da Agonia. No primeiro ano que se realizou o fogo no rio a invasão de curiosos foi grande. E conta-se o célebre incidente em 1975 em que toda a carga de fogo rebentou em segundos, dizem os textos que se temeu o pior e que foi o fogo mais rápido de sempre mas também, talvez, o mais bonito!

"A outra grande romaria é a da Senhora das Vitórias. (...)Por outra informação das despesas de 1891 sabemos que as festas tinham foguetes, duas bandas de música (a de Barcelos e a de Alvelos) com os seus coretos, sermão, missa cantada, armador, anjinhos e iluminações.
(...)
Começava invarialvelmente ao meio-dia de sábado, com a entrada das Bandas no Adro da Igreja, depois iam dar uma volta - a que chamavam alvorada- pelos vários lugares da freguesia. No regresso à igreja, ao fim da tarde, cantavam-se vésperas solenes em honra de Nossa Senhora, cerimónia a que o povo acorria em grande número. À noite havia o arraial com o adro iluminado a tejelinhas de sebo, despique das músicas nos palanques, queima de fogo preso no adro e fogo do ar lançado do Monte das Aras
(...)"


Bem...e se nós muitas vezes nos queixamos da iluminação dos palcos ou coretos, agora imaginem tudo iluminado a tijelinhas de sebo!!!
São realmente interessantes estes relatos, tais como outros de serem os homens casados a organizarem as festas e em determinada altura os jovens tomarem a iniciativa de organizar as mesmas para as dinamizar mais. De andarem por caminhos desconhecidos e por várias horas para irem contratar as melhores Bandas da Região da época (diz-se nos textos, a de Vilar do Monte e a do Carvalho), de terem de levantar 4 palanques para os músicos, dois no adro para o domingo e dois para fora do adro para tocarem na noite de sábado. Tudo porque as autoridades diocesanas não permitiam a realização dos arraiais dentro do adro.
E é impressionante como hoje em dia, existem todas as facilidades e mais algumas, diversos atractivos e cada vez mais nos desresponsabilizamos de realizar as festas da nossa Terra. E cada ano que passa, mais difícil se torna a passagem do testemunho, e cada ano que passa vemos sempre os mesmos nas Comissões de Festas. E mais cedo ou mais tarde, não haverão arcos iluminados, palcos e grupos a tocar, "entradas das Bandas", fogo de artifício, procissões e andores floridos, igreja e capela ornamentadas, não haverão os doces da festa, e as homilias não serão sobre a vida dos nossos santos. Esperemos que não...

Vitórias 2007

Santa Tecla 2007

domingo, setembro 23, 2007

Relíquias...

De vez em quando abre-se a arca dos tesourinhos (nada deprimentes!!) e retiram-se verdadeiras riquezas...


*o pormenor desta foto é o de ser visível um outro contexto para além do cenário de Paris...sim, o maestro tirou as fotos num rolo já utilizado :) e o resultado foi este...Altos efeitos especiais!!


*se a gravata entrasse no catálogo Fashion destacava-se, sem dúvida!!


*mais alguns efeitos especiais!!! :)


*Já lá vão muitos anos...


*Olha o Flo em 1ºclarinete, a Thalie, a Marta, o "tio Tim", o Pires, a Célia, o "Covinhas" e se bem me parece o Srº Arlindo também!!! E o fardamento??Lindo!!!

quinta-feira, setembro 20, 2007

Assembleia Geral

Caros amigos,

A Assembleia Geral que estava agendada para amanhã, dia 21 de Setembro, fica adiada para dia 28 de Setembro 2007, pelas 21h00.
Esperamos boas noticias, muitas oportunidades e novas perspectivas para a Nossa Banda.
Não faltem!

quarta-feira, setembro 19, 2007

TESOURINHO DEPRIMENTE

Estes videos mostram alguns dos sintomas previsíveis do final de uma festa. Precebe-se pelas imagens que os musicos estão sob o efeito de uma substância psicotrópica, é o que dá andar todo o dia com a gaita na mão a fazer procissões e despedidas em excesso. Mas é melhor verem....


MAIS DO MESMO

Moimenta - Cinfães 26 de Agosto...já lá vai!!

26 de Agosto de 2oo7(em jeito de diário),


Desta vez as festas em Moimenta, concelho de Cinfães (e terra do nosso Maestro) foram bem molhadas e cheias de trovoada.
Chegados ao recinto da festa e juntamente com a Banda de Tarouquela percebemos que a a Marcha de entrada iria ser adiada, pois o cenário era de uma autêntica tempestade. A procissão foi adiada para a noite e fez-se em 3 minutos não fosse a chuva molhar S. Martinho e os demais que sairam da capela.
Aproveitamos para publicar mais algumas fotos para além daquelas que já tinham sido divulgadas e repondo as imagens em falta, até ao final da temporada.

Moimenta - Cinfães

segunda-feira, setembro 17, 2007

Escola de Música 2007/2008

Informa-se a todos interesados as matriculas para a escola de Música terão no proximo dia 22 de Setembro e no dia 29 de Setembro das 10 às 12 horas, na casa da Música de Antas .

Mais se informa que a idade recomendada para frequentar a referida escola é de 8 anos de idade.

Espero que aproveitem esta chance de aprender musica numa escola com uma qualidade de ensino acima da média

Pensamento do dia

Eu já ouvi algo idêntico, mas nunca é de mais voltar a ouvir uma expressão do género. Eu sei que vocês sabem que eu sei e vocês sabem que eu sei... é mais uma do Paulo Portas.

domingo, setembro 16, 2007

Recordar... o Bike Tour!

Depois de umas quantas fotos publicadas em jeito de filme, mas sem qualidade nenhuma.
Depois de uma tentativa de adicionar a música El camiño real às fotos, mas sem qualidade, eis que se publica o álbum de fotos onde, pelo menos, já estamos mais visíveis.
Aqui ficam algumas imagens do 1º Bike Tour 2007...

1º Bike Tour Musical

domingo, setembro 09, 2007

Banda da Armada

E agora que a época já acabou, segue a música e as novas oportunidades.
Para os mais interessados está aberto um concurso para a Banda da Armada, com oportunidade de ingresso disponível até 28 de Setembro.
As vagas distribuem-se por todos os naipes de sopros, percussão, harpa, piano e contrabaixo de cordas.
Os interessados deverão proceder à sua inscrição, até dia 28 deste mês de Setembro.


Para mais informações, deverão consultar o site www.marinha.pt

in http://bandasfilarmonicas.com

quinta-feira, setembro 06, 2007

Reportagens atrasadas de Boticas e Moimenta.

http://picasaweb.google.pt/Floriano.Salgueiro1966/ReportagensAtrasadas02

1º Bike Tour Musical

Caros Amigos,

Para quem não estava a conseguir lidar com tanta ansiedade de ver as imagens magníficas do nosso 1º Bike Tour Musical, aqui está uma parte daquilo que foi um dia espectacular!
Brevemente estará disponível um Album neste Blog para que todos possam comentar (ou quem o costuma fazer). Sim...porque há fotos dignas de boas legendas!!
Por enquanto, e ao som, de El Camiño Real, de Alfred Reed ficam as fotos de um verdadeiro caminho real que todos percorremos no passado dia 25 de Agosto. E real foi também a dor de pernas, mas os bons momentos ultrapassam isso tudo.
Ao Paulo pela insistência nesta iniciativa...
Ao Raul que sempre aguentou o ritmo dos "mais cansados"...
Ao Gil por nos orientar na bela localidade de Castelo do Neiva e de nos mostrar o ex libris da mesma (o paralelo)...
À Vânia, à Joana, à Ilda que se esforçaram imenso ao longo do percurso...
Ao Pires que demonstrou ter mais energia do que ninguém...
A todos os que não puderam participar...vá pensem que para o ano há mais!
Ao Sr. Arlindo o nosso muito obrigado por levar a carrinha e o almoço!
À Irene pelas clarinhas...hum!!
À Ana Maria, à Ana Teresa, ao Hugo e a todos os "fotógrafos"...
Esta selecção de fotos é para todos!!!

quarta-feira, setembro 05, 2007

La Vida Loca

Aí estão eles...
Fotos do último concerto no MentesRaras Caffé,a 22 de Agosto de 2007.

domingo, setembro 02, 2007

S.Bartolomeu do Mar - 23 de Agosto



Com tantas romarias, festas minhotas, arraiais, concertos e procissões, não nos podia faltar na agenda a tradicional Romaria de S.Bartolomeu do Mar (a romaria "do pito preto"),a qual prima pelas suas características bem próprias e muito enraizadas.
Diz-se que a tradição do que é vivido nestas festas remonta ao século XVI e consiste numa série de rituais como dar voltas à Igreja com um pinto (pito, mais propriamente) preto ao colo, passar por baixo do andor de S.Bartolomeu e depois ir a praia "furar" ondas em número ímpar, ou seja, três, cinco, sete ou nove. Tudo isto porque S.Bartolomeu é o "protector" das crianças e, cumpridos estes preceitos as crianças ficam afastadas de efeitos demoníacos,de doenças como a gota, a epilepsia e a gaguez.
Destes rituais apenas cumprimos alguns, mas valeram outros, musicais, pois claro e com a companhia da Banda de Amares.

sexta-feira, agosto 24, 2007

Boticas - 18 Agosto de 2007

No passado sábado, dia 18 de Agosto fomos até Boticas, uma bela localidade do distrito de Vila Real e participámos nas tradicionais festas do concelho de Boticas em honra de Nossa Senhora da Livração (Nossa senhora nos livre mas é de festas com tanto calor como lá estava).
A avaliar pelos milhares de pessoas que se encontravam pela Vila de Boticas e ao longo do percurso da procissão, percebemos que se tratam de festividades importantes na região e, que têm como ponto alto a procissão que se realizou ao final da tarde, na qual participaram inúmeros andores floridos com os santos padroeiros representando as diversas freguesias do concelho. De certa forma, podemos considerar estas festividades com um "formato" diferente daquele que estamos habituados. Em termos musicais estiveram presentes a Nossa Banda, a Banda de Freamunde, a Banda de Outeiro Seco e de Vila Verde da Raia (já para não falar da fanfarra e de dois grupos musicais que devem ter animado até o dia nascer). Em termos de concerto a Nossa Banda e a Banda de Freamunde tiveram um vasto público e muito atento.
Tudo isto a juntar a muitas peripécias e ao tradicional pic nic dos Clarinetes, fez desta festa uma "saída musical" muito interessante ( o pior foi chegar a casa tardíssimo e passadas 2h estar preparados para as comemorações do dia do Município de Esposende).
Agora basta clicar no Álbum seguinte e aceder às melhores imagens do Mundo!!!

Boticas

segunda-feira, agosto 20, 2007

1º BIKE TOUR MUSICAL


É já no próximo sábado, dia 25 de Agosto, o 1º Bike Tour Musical.
Organizado por alguns elementos da nossa Banda (oh Paulo já mandavas o programa!), esta iniciativa "ciclomusical" vai ter muita pedalada e poucas notas trocadas.
A ideia surgiu porque ter um sábado livre, sem saída com a Banda já estava a preocupar muita gente e então nada melhor do que somarmos o convívio ao tempo livre, à natureza, aos passeios,às bicicletas, ao pic nic e muito provavelmente a uma valente dor de pernas.
O itinerário do passeio já foi alvo de alterações umas 50 vezes, tudo porque o que parece difícil para muitos, outros dizem que "se faz com uma pernas às costas". Com as duas pernas contamos chegar todos ao final do percurso, o qual terá início na Casa da Música de Antas em direcção às margens do Rio Lima, onde iremos pic nicar. Esperemos conseguir voltar novamente de bicicleta, até porque, pensamos em tudo e haverá prémios no final para os que tiverem a melhor performance.
Para o 1º classificado e, tal como já tinha sido anunciado, o prémio será uma viagem a pé (no autocarro) até Cinfães, logo no dia 26 de Agosto. O 2º classificado será premiado com uma embalagem de 500g de Halibut e, por fim, o 3º classificado receberá um guia prático intitulado "como se sentar depois de fazer mais de 10 km em bicicleta".
Os prémios são mais que motivo para que nenhum participante desista ao longo do percurso.

LA VIDA LOCA





E é mesmo assim...La Vida (é mesmo) Loca...e não pára de surpreender!
Quem acompanha o percurso pessoal e musical de alguns elementos da nossa Banda, só tem que felicitar estes jovens. São os "putos da Banda" que de uma imagem de "meninos do tamanho de uma estante" passaram para o papel de jovens músicos, alguns empenhados numa carreira musical. Quem os viu a iniciar a formação musical na escola de Música da Banda, quem os viu nas diversas audições, quem os viu a entrar para a Banda com "fardas miniatura", quem os viu a crescer, quem os viu a estudar cada vez mais...quem os viu e quem os vê percebe que têm muito para dar!!
Ousados de espírito e rebeldes por natureza formam um grupo bem divertido, em conjunto com outros amigos que partilham o mesmo gosto pela música.
Ao Luis (Pires), ao Diogo (Ferreirinha), ao Rui (Lindinho), ao Xavier, ao André, ao Dani, ao Luis (Fardilhas)os parabéns pela "La vida Loca".
E é com muito orgulho no vosso trabalho que assisto e convido a assitir a mais um concerto no MentesRaras Caffé (Belinho-Esposende), na próxima 4ª feira dia 22 de Agosto.
La vida Loca! Arrasem!!

S. Lourenço-Vila Chã e Touguinhó

Cumprindo com o habitual publicamos mais uma Fotoreportagem do fim de semana musical de 11 e 12 de Agosto, das festas de S. Lourenço em Vila Chã e em Touguinhó, Vila do Conde.
Apesar de andarmos um pouco desfazados na publicação das fotos, temos tentado actualizar ao máximo este "Bloco".
Haveria muito a dizer e a "relatar" em termos de vivências de cada uma das festas, mas vamos colocando as fotos que já "dizem" muito.
Abençoada seja a "era digital" em termos de fotografia porque se fossemos a revelar os rolos de fotos que já tirámos estávamos tramados.
Vila Chã - Esposende e Touguinhó, Vila do Conde

Novidades

Apesar de andarmos todos a banhos, pelo menos de sol e música, temos que interromper as férias maravilhosas no México (algures no Minante), para deixar aqui algumas novidades (fresquinhas como as noites de Verão de ultimamente).
Então é assim:

1º Existem novas fotos no Álbum de Geraz do Lima, pelo que deverão dar uma espreitadela e, já agora, podem comentar ou fazer alguma coisinha para que este "Bloco" tenha um pouco mais de vida.

2º Vai realizar-se no próximo dia 25 de Agosto o 1º Bike Tour Musical, para todos os que queiram tirar as bicicletas das garagens e dar umas voltinhas lá para os lados do Rio Lima. É mais uma actividade para promover o convívio entre todos, mas num contexto bem diferente daquele que vivemos normalmente.
Não existe a "camisola amarela", nem o contra relógio, mas informamos que o prémio para o 1 classificado é uma viagem (a pé) a Cinfães logo no dia a seguir.

domingo, agosto 19, 2007

1812

Sugiro isto para nos poupar...a "performance" deles não é nada má...tirando as roupinhas!! :)

quarta-feira, agosto 08, 2007

S. Romão e Sanfins

Mais um fim de semana preenchido pela música.
Desta vez, estivemos em S. Romão do Neiva, no passado sábado, dia 04 de Agosto, juntamente com a Banda de S. Tiago de Ribaul (Oliveira de Azeméis)>, e no domingo, fomos até Sanfins (Paços de Ferreira), onde também esteve a Banda 12 de Abril (Travassô - Águeda).
Com momentos bons e menos bons vamos cumprindo o calendário desta época musical, que a pouco e pouco se aproxima do final.
Depois virá o tempo de fazer o balanço final, mas por agora ficam mais algumas fotos, com destaque para o regresso do 5º/6º elemento. Eis que os verdadeiros representantes desta espécie se insurgem e marcam presença.
De salientar que a nossa fotógrafa oficial (Ana Maria), anda em reportagem lá para os lados de Jerusálem, Cafarnaum, Monte Sinai, etc. pelo que aguardamos ansiosamente pelas novidades daquelas paragens.
S. Romão do Neiva e Sanfins - Paços de Ferreira

quinta-feira, agosto 02, 2007

Adeus...


Fica aqui uma pequena mas justa homenagem ao Sr. Batista, um contador de histórias, um homem e músico com muita força, mesmo quando a doença lhe pregou partidas...
Fica a nossa manifestação de pesar, de carinho e amizade e a certeza de o recordarmos com muita afeição.

Até sempre...e fica a eterna expressão: "Loivos"!

terça-feira, julho 31, 2007

Maratona Musical - 40 Graus à Sombra!

No fim de semana passado a nossa Banda passou pelas festas de Carvoeiro e de Rio Mau.
A Banda de Mamarrosa , de Oliveira do Bairro, foi a Banda que nos acompanhou nesta maratona musical, marcada pelo intenso calor. É nestas alturas que percebemos que o gosto pela música e pelo facto de estarmos inseridos num grupo, essencialmente de amigos, prevalece por umas idas à praia, à piscina e a uma boa sombra com um refresco por perto.
Já está diponível um álbum de fotos com alguns momentos deste fim de semana musical. É só clicar!!! :)
Maratona Musical - 40 Graus à Sombra

quarta-feira, julho 25, 2007

segunda-feira, julho 23, 2007

Concerto Coral Sinfónico



Fernando Pessoa dizia que “As coisas que acontecem não são, senão como são contadas depois”.
Pois então, digo-vos que o que aconteceu no passado sábado, na nossa freguesia de Antas foi um espectáculo Memorável.
Na nossa memória colectiva ficará registado um momento que envolveu muitas pessoas, interligadas numa única linguagem, que é a música, e ficará registada a emoção de ver o adro da Igreja Paroquial repleto de pessoas, numa assistência incrível e por todos nós agradecida.
Houveram muitos dias antes daquele em que todos subimos ao palco para dar vida a um espectáculo com a única pretensão de o fazermos bem e da melhor maneira possível. Os dias em que se pensou em cada pormenor do espectáculo, em cada recurso necessário…os dias em que se pediu a participação das pessoas, os dias em que se pediu o envolvimento das mesmas, os dias em que o desafio foi projectado, a vontade lançada e o empenho exigido.
E o dia do Concerto Coral Sinfónico chegou, envolto de expectativa, entres pautas, Ballet, vozes e fogo de artifício, com uma causa comum de promover um concerto que se distinguisse pela qualidade, pelo trabalho conjunto e pela ousadia nos meios envolvidos.
Mesmo com a certeza de que as homenagens e os agradecimentos nunca serão suficientes para igualar o esforço reproduzido para tal fim, fica o nosso reconhecimento e agradecimento a todos e a cada um, aos que se empenharam e entregaram de forma absoluta para erguer um espectáculo onde música, canto e dança se combinaram numa imagem que dificilmente queremos perder.

Geraz do Lima - 8 Julho 2007



Alguém contou as voltas que demos à capela??




A moda do XS já chegou aos coretos...Apertadinhos que estávamos!!



Uma parte das despedidas...



Uma "espécie de 5 maravilhas" :) nem todas visíveis! (alinhem se faz favor!!)

sábado, julho 14, 2007

CONCERTO CORAL SINFÓNICO



PROGRAMA

I Parte

v Manuel Sequeira---- M. Concerto—Valdemar Sequeira

v Guilherme Tell---------Abertura---------G. Rossini

v El Caminho Real- -------Fantasia------- Alfred Reed

v Rock Symphonie ----- Musical---- Manfred Schneider

v Divertissement ------Divertimento-----Silva Marques

II Parte

Coral sinfónica

v Fortuna-------------------------- Carmina Burana

v Alleluia ---------------------------------Haendel

v Nabuco-----------------------------------Verdi

v 1812-------------abertura---------- Tschaikovski

quinta-feira, julho 05, 2007

AUDIÇÃO FINAL

Associação Banda de Música dos B. V. Esposende
Escola de Música
AUDIÇÃO Final
Dia 7de Julho de 2007 às 21.30

As aulas treminaram, pois é, mas ainda falta o concerto e assim os alunos da nossa escola vão poder mostrar no próximo sábado o trabalho desenvolvido ao longo do ano. O concerto divide-se em duas partes:

1ª PARTE

Programa

Classe de Saxofone

Harry Potter Themes John Williams
-Hedwing’s – Nimbus 2000

The Saxophone trios book J. Peters
- Fun out –Mistery- Blues Tempo

Momentos Ana Faria


Classe de Trompa
Quarteto

Ave Verum Corpus W.A.Mozart
The Works of Forestier Forestier
Rustic March Kord

Classe de Flauta

Largo Joh. J. Quantz

The Butterfly Country Dance
Habanera Jan Van Beekun

Classe de Trompete

Avé Verum Corpus W.A.Mozart
Rondeau Jean Josef Mouret
Overture From Water Music G. F. Haendel

Classe de Trombone/Bombardino /Tuba

Ah, Let Me Weep da Ópera Rinaldo
G. F. Haendel adapt. J. Maciel

Trumpet Voluntary J. Clarke
adapt. J. Maciel

Ensemble de Metais

Trompete, Trompa, Trombone, Bombardino Tuba

Álbum for the Young P. I: Tchaikovsky
Arr: K. Koda

Classe de Clarinete

Quartor Pop
-Fantasia sobre temas Portugueses
A. Araújo Pereira

Les Ours au cirque
- André Waignein Trio (iniciação)

Classe de Percussão

Duo Caixa e Tímpanos

Duo Baterias de Jazz

2ª PARTE

Orquestra de Sopros

Andante in C Maior K. 315 W. A. Mozart
Transc. Valdemar Sequeira
Concertista Finalista Susana Rolo

Promenade Robert Clérisse
Transc. Valdemar Sequeira
Concertista Finalista Joana Oliveira

Ária Sax- Alto Eugéne Bozza
Transc. Valdemar Sequeira
Concertista Finalista Dany Campos

Andante et Allegro André Chaileux
Transc. Valdemar Sequeira
Concertista Finalista Joana Sá

Prelude et Balade Guillame Balay
Transc. Valdemar Sequeira
Concertista Finalista André Azevedo

Concerto Para Trompa Anónimo
Concertista Finalista Daniel Bandeira

Marceau Symphonique Alexandre Guilmant
Concertista Finalista Diogo Viana

- Spirit: Stallion of the Cimarron Arr. By Frank

- The Rock Arr. John Glenesk

DÓ _ RÉ_ MIX (ENSEMBLE DA ESCOLA)

quinta-feira, junho 28, 2007

II Concerto Coral Sinfónico


No próximo dia 21 de Julho terá lugar na nossa Freguesia de Antas o Concerto Coral Sinfónico, com a participação da nossa Banda, do Coro Magistoi de Carapeços, (Barcelos) e de muitas pessoas da nossa freguesia que se juntaram e "vão dar voz" a este projecto.
O ano passado o Concerto teve lugar em Esposende e a crítica foi muito positiva, pelo que repetir foi palavra de ordem.
A iniciativa de trazer a população a participar neste evento é de louvar porque permite uma aproximação das pessoas à cultura musical, de uma forma divertida, descontraída, num ambiente de amigos, mas onde a responsabilidade exige das pessoas um esforço de participação nos ensaios e colaboração conjunta.
Os comentários têm sido muito positivos e as pessoas aderiram com muitas expectativas, mesmo que nunca tenham sido "meninos de coro". Este será de certeza um momento diferente para todos.

sexta-feira, junho 22, 2007

Palmeira 2007

No último domingo decorreram em Palmeira de Faro as festas em Honra de Stº António. A nossa banda foi convidada para abrilhantar estas festas, numa terra onde existem muitos admiradores da música filarmónica e da nossa banda em particular. Não esqueçamos que foi esta a terra de adopção do saudoso presidente Augusto Cruz, que deixou boas lembranças aos músicos mais velhos da nossa banda e um contributo importante, que juntando a outros contributos não menos importantes moldam a banda que temos hoje.
Embora não tenha estado presente, estou certo que estas festas de Palmeira decorreram pelo melhor.
Agradeço ao Paulo Alves por ter tirado as fotos que aqui apresento


quinta-feira, junho 21, 2007

Klezmer All Star Clarinet Gang plays "King Waldemar"



Para ouvir e apreciare e digam-me se o clarinete não é um intrumentos lindo.

sexta-feira, junho 15, 2007

Festa em Seroa para comentar e documentar.

"Esse negócio do trompete" - Denise Reis Vocal Trumpet

Trompete para que te quero???

Novas Sonoridades

Alguém se lembra daquele músico de "pétalas de rosa" que descobrimos em Vila Franca do Lima?
Pois bem...para os mais cépticos aqui fica a prova que esse senhor já tem alunos pelo mundo fora!! :)

A NOSSA BANDA NA RÀDIO

O ensaio do próximo sábado dia 16 contará com a presença de uma equipa de reportagem da rádio Esposende(93.20), que vai transmitir o ensaio em directo. Para além da transmissão do ensaio a rádio vai também dar a conhecer ao seu vasto auditório o funcionamento da nossa banda visto na prespectiva dos músicos.
Para os nossos amigos,não deixem de ouvir. Para os musicos, têem que ir ao ensaio (Para aqueles que já se esqueceram da hora do ensaio aqui fica o horário 16.30).
Assim já têem um motivo para ir ao ensaio, podem sempre dizer que vão "aparecer" na rádio. O Duarte lá consegui ter um ensaio comentado.

segunda-feira, junho 04, 2007

Clarinete - Sabine Meyer

Concerto Orquestra de Sopros








A nossa Orquestra de Sopros, não menos importante que a Banda de Música, irá na próxima quarta feira, dia 6 de Junho, às 21:45 dar um concerto nas Escola Secundaria Henrique Medina, integrado nas comemorações dos 25 anos daquela instituição de ensino.
Em breve publicaremos um pequeno post que ilustra o trabalho que esta orquestra tem vindo a desenvolver.
Apareçam, porque vale apena!!!