sábado, julho 02, 2011

"Ao Maestro Valdemar Sequeira"


Editado no O FORJANENSE
Junho 2011 2ªsérie nº 265

2 comentários:

Manuela Cunha disse...

Acho que isto de ter poemas dedicados não é para todos!!!!

Parabéns ao poeta e ao que o inspirou...

:)

Carlos Bernardo disse...

A forjães eu fui passear
Pelas festas de Santa Marinha
Vi a banda de Antas a tocar
Marchando pela rua bem certinha

Os andores tão floridos a desfilar
Os devotos bem unidos em prossição
A banda tão certinha atocar
Causou-me uma grande emoção.